A volta às aulas traz muitos desafios a pais e filhos. E um deles é, sem dúvida, em relação à alimentação. Escolher os melhores alimentos para a lancheira das crianças exige criatividade e, muitas vezes, um poder de persuasão dos pais para fugir dos alimentos industrializados que, se por um lado facilita a vida das famílias pela praticidade, por outro, pode trazer inúmeros problemas para as crianças, como obesidade e carência de nutrientes.

Segundo pediatras do Departamento Científico de Nutrologia da SBP, o lanche ideal deve conter um líquido para repor as perdas com atividades físicas (sucos, chás, água de coco engarrafados ou em embalagem tetra-pack, preferencialmente sem açúcar), uma fruta para consumir com casca ou cuja casca pode ser retirada com facilidade (maçã, banana, pera, morango, uva), um tipo de carboidrato para fornecer energia, como pães (integral, forma, sírio), biscoitos sem recheio, bolos caseiros e um tipo de proteína, como queijos, requeijões, iogurtes (somente se for possível manter em temperatura adequada).

Há ainda a indicação de alimentos que nunca devem entrar na lancheira. São eles: snacks e salgadinhos de pacote, refrigerantes, bebidas isotônicas, balas, bolos com recheios e cremes, frituras e biscoitos recheados.

Na concepção da SBP, a merenda escolar deve fornecer a cada criança de 200 a 250 calorias por dia, podendo haver variações de acordo com o estado nutricional do escolar: obesidade ou magreza. Como o consumo diário de frutas, verduras e legumes deve ser de, pelo menos, 5 (cinco) porções por dia, é fundamental que na merenda escolar contemplem de uma a duas dessas porções. Finalmente, recomenda-se que o escolar faça o consumo diário de 500 a 750ml de leite ou o equivalente em seus derivados, ou seja, inclua em sua merenda iogurte ou queijo.

A seguir, fique atento aos exemplos de lancheiras saudáveis conforme a idade da criança:

Lactentes: de 6 a 12 meses

 

 Exemplo 1:
 Banana –½ unidade (43g)
Aveia – 1 colher de sopa (9g)
 
Exemplo 2:
 Manga –1 unidade pequena (60g)
Banana – 1 unidade média (43g
 
Exemplo 3:
 Meia maçã raspada
Iogurte natural – ½ pote (100g)
 
 
 
Lactentes: de 1 a 2 anos
 
 Exemplo 1:
 Banana –½ unidade (43g)
Leite – 150ml
 
Exemplo 2:
 Leite – 140ml
Biscoito maisena – 2 unidades (10g)
 
 Exemplo 3:
 Mamão – 1 fatia pequena (100g)
Pão francês – ½ unidade (25g)
Margarina – 1 colher de chá (4g)
 
 
Pré-escolares: de 2 a 3 anos
 
 Exemplo 1:
 Iogurte natural –½ pote (100g)
Cereal matinal – 3 colheres de sopa (15g)
Maçã – ½ unidade (60g)
 
 Exemplo 2:
 Pão integral – 1 fatia (25g)
Patê de ricota – 1 colher de sobremesa (10g)
 Mexerica – 6 gomos (84g)
 
 Exemplo 3:
 Pão integral – 1 fatia (25g)
Geleia de fruta – 2 colheres de chá (8g)
Pera – ½ unidade (66g)
 
 
 Pré-escolares: de 4 a 6 anos
 
 Exemplo 1:
 Bolo de cenoura s/ recheio – 1 fatia pequena (30g)
Maçã – ½ unidade (60g)
 
Exemplo 2:
 Pão francês – 1 unidade s/miolo (35g)
Requeijão – 1 colher de sopa rasa (15g)
 Mexerica – 6 gomos (84g) 
 
Exemplo 3:
 Iogurte – 1 pote (120g)
Aveia – 1 colher de sopa (15g)
Morango– 9 unidades (115g)
 
 
 Escolar: de 7 a 10 anos
 
Exemplo 1:
 Bebida láctea – 1 pote (180g)
Banana – 1 unidade (86g)
 
Exemplo 2:
 Pão francês – 1 unidade s/ miolo (35g)
Queijo branco – 1 fatia fina (20g)
Kiwi – 1 unidade média (70g)
 
Exemplo 3:
 Bebida láctea – 1 pote (170g)
Pão integral – 1 fatia (25g)
Geleia de fruta – 2 colheres de chá

 Fonte: “Lanche Saudável – Manual de orientação”, do Departamento Científico de Nutrologia da Sociedade Brasileira de Pediatria. Disponível no site: <http://www.sbp.com.br/fileadmin/user_upload/pdfs/Manual_Lanche_saudavel_04_08_2012.pdf>.